maio 15, 2011

Nhoque do Claude Troisgros

Adoro massas, mas nunca tinha feito nhoque na vida. Até que assisti ao programa do Claude Troisgros, Que Marravilha!, e me deparei com uma receita de nhoque ao gorgonzola. Sempre achei nhoque um troço complicado, pois se colocar muita farinha o bicho fica pesado, mas eis que o Claude deu a dica: cozinhar as batatas no forno!



Se você cozinhar as batatas na água, elas ficarão aguadas e você terá que colocar muita farinha para dar o ponto, e isto deixará o nhoque pesado. Sempre soube que a batata ideal para nhoque é a asterix, menos aguada, mas não achei a dita cuja no dia que resolvi fazer a receita, então comprei a batata normal pra ver se rolava. E não é que com a dica do Claude, mesmo com a batata normal deu certo? Não fiz o molho de gorgonzola da receita original, fiz um molho bechamel e adicionei os queijos minas padrão e mussarela ralados ao molho.

Ingredientes:

600 g de batata
120 g de farinha de trigo
3 gemas (só coloquei duas)
80 g de queijo parmesão ralado
60 g de mussarela ralada
sal a gosto
pimenta do reino moída na hora a gosto
noz moscada a gosto

Enrole em papel alumínio as batatas lavadas e asse em forno preaquecido a 180º C, por cerca de 40 minutos ou até que estejam macias. Depois descasque as batatas ainda quentes, segurando com a ajuda de um pano. Faça um purê e misture com todos os outros ingredientes.

Abra a massa em uma superfície enfarinhada e faça "cobrinhas" para ir cortando os nhoques. Conforme for cortando os nhoques e colocando em uma travessa, vá jogando farinha em cima para não grudar. Cozinhe os nhoques em água fervente e quando subir, aproximadamente em 5 minutos, retire e coloque em uma travessa com água e gelo. Imediatamente vá passando o nhoque para outra travessa com um pano por baixo para absorver a água. Frite os nhoques no azeite em uma frigideira antiaderente. 

Molho:

300 ml de creme de leite
200 g de queijo gorgonzola
sal a gosto
180 g de ervilhas frescas cozidas 
pimenta do reino moída na hora

Ferva o creme de leite e o queijo gorgonzola até que derreta e adquira uma consistência cremosa. Junte as ervilhas, tempere com sal e pimenta.

Finalização:

Coloque os nhoques em uma travessa, cubra com o molho e complete com queijo parmesão ralado.

Dá um pouquinho de trabalho, mas vale a pena! Sinceramente achei que ficou ainda melhor no dia seguinte, então fica a dica, faça um dia antes. Da próxima vez vou tentar congelar a massa e digo se deu certo. E se tiverem alguma dúvida é só perguntar.

Bora pra cozinha!


4 comentários:

  1. Oi Milla, a Aline me enviou o seu link, amei a dica do nhoque, vou testar. faço gastronomia em recife, quem sabe a gente torca umas receitas. :)

    ResponderExcluir
  2. Faz gastronomia? Que delícia, um dia ainda me animo rsss. Vou adorar trocar receitinhas. Depois me conta como ficou o nhoque, bjuss

    ResponderExcluir
  3. Mirella... Testado e aprovado!!! Ate pensei que ia ficar feio, pq quando colocquei para cozinar ele saiu espetado...kkkk Depois q fritou no azeite ficou lindo todo dourado!!! E o sabor... HUMMMMMM Aline Marques

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...