maio 19, 2011

Tomates recheados

Tem coisa mais fácil de fazer do que tomate recheado? Sem contar que fica uma delícia, ainda mais incrementando com queijos. Este fiz aos 4 queijos:



Na verdade não tenho uma receita certinha, com quantidades, isso vai depender de quantos tomates você vai fazer, mas não tem erro. O primeiro passo é escolher tomates bem bonitos, vermelhinhos, porém firmes. Muitas vezes quando o tomate está bem vermelhinho, já está molenga (bom pra molho), mas para rechear tem que estar firme.

Você vai precisar de:
tomates
ricota fresca
azeite
orégano
sal
pimenta do reino
parmesão ralado (de preferência ralado na hora)

Para o molho:
2 colheres (rasas) de sopa de farinha de trigo 
2 colheres de sopa de manteiga
500 ml de leite
noz moscada 
pimenta do reino
sal
queijo minas padrão ralado

Para enfeitar:
fatias de provolone

Para começar você vai tirar as tampas dos tomates e tirar toda a polpa com uma colher de café. Com cuidado para não furar o tomate, você vai tirar uma tampinha na parte de baixo para que ele pare em pé.

Hora de temperar a ricota. Aí vai muito de gosto, eu amasso a ricota em uma vasilha para ela ficar soltinha e tempero com azeite, sal, pimenta do reino, orégano, parmesão ralado e às vezes coloco um pouco de azeitona verde picadinha. Um tempero que combina muito bem aqui é o zátar, tempero árabe. É fácil de encontrar em supermercados junto com os outros temperinhos e eu aconselho a ter em casa, pois vai bem com carnes, molhos, queijos...

Pois bem, para temperar a ricota, usem a criatividade! Ricota temperada, hora de rechear os tomates. Pode colocar bastante recheio, vale até dar umas apertadinhas com a colher para caber mais. Coloque os tomates em uma travessa de vidro ou forma e reserve.

O molho nada mais é do que um molho branco com queijo, aliás, o mesmo que usei no nhoque. Para fazer um molho branco sem erro, acho fundamental ter um fuê. Para começar coloque a manteiga para derreter em uma panela no fogo baixo, junte a farinha e mexa sem parar por uns 3 minutos. Dependendo da sua 'colherada' de manteiga pode ser que a mistura vire uma massinha, é isso mesmo, você vai apertando, mexendo e cozinhando a farinha. Tire a panela do fogo e acrescente o leite aos poucos e mexendo com o fuê sem parar. Parece que vai empelotar tudo, mas colocando o leite aos poucos e misturando bem a cada adição, não tem erro. Acrescentado o leite, volte a panela para o fogo e fique mexendo até engrossar. Quando começar a engrossar você pode adicionar o queijo minas padrão ralado ou qualquer outro queijo da sua preferência. A quantidade é a gosto, mas para esta quantidade de molho coloco aproximadamente 3/4 de xícara de queijo. Prove o molho e veja como está de sal, o que vai depender do queijo que você usou. Tempere com pimenta do reino e noz moscada.

Agora você tem duas opções. Jogar o molho sobre os tomates e levar para assar, ou assar os tomates e usar o molho só na hora de montar o prato. Eu já coloco tudo no forno. O meu ficou douradinho porque coloquei no forno elétrico com gratinador.

Para enfeitar eu usei provolone. Pegue uma frigideira antiaderente e leve ao fogo com uma fatia do provolone. Conforme ele for soltando óleo em cima, você vai dando batidinhas no queijo com um papel toalha, até secar quase completamente e o queijo estar bem torradinho. Aí é só esperar o queijo esfriar em um prato e quebrar os pedaços para colocar em cima dos tomates. Ah! Na hora de montar o prato, vai bem uma boa regada com azeite :)


Bora pra cozinha meninas!



2 comentários:

  1. Já preparei tudo agora é só colocar no forno!!!Tati

    ResponderExcluir
  2. Esta delícia agradou até as crianças!E a melhor parte é que podemos variar com outros recheios!beijos e obrigada, Tati

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...