Pular para o conteúdo principal

Destaques

BOLO DE CENOURA FORMIGUEIRO (SEM GLÚTEN)

Se tem uma versão de bolo que sempre me lembra "casa de vó", é o bolo formigueiro. Um bolinho simples que nunca decepciona.  Há algum tempo estava querendo fazer esta receita que vi no Instagram da @viversemtrigo e adorei o resultado. Fiz algumas adaptações na receita original para o que eu tinha em casa e deu super certo: aumentei a quantidade de cenoura para ficar mais coradinho, troquei o óleo de coco por outro óleo vegetal, e troquei a fécula de batata por mandioca.  É um bolo super fofinho e saboroso. Tenho certeza que será sucesso por aí também. Ingredientes  4 ovos  1 e 1/2 xícara de açúcar demerara  3/4 xícara de óleo (usei de milho) 2 cenouras médias descascadas e fatiadas (aproximadamente 220g) 1/2 xícara de água 1 xícara de farinha de arroz 1/2 xícara de fécula de mandioca  1/2 xícara de polvilho doce 1/2 colher (chá) de goma xantana 1 colher (sopa) fermento em pó  1 xícara de chocolate granulado No liquidificador bata os ovos, o açúcar, a água, as cenouras e o ól

Broinhas de fubá

Com esse tempo friozinho, uma boa pedida é passar a tarde embaixo das cobertas, vendo um bom filme, tomando um chá quentinho e comendo broinhas de fubá.

Esta broa não fica ressecada igual aquelas de padaria. É super macia e saborosa. É daquelas receitas para repetir sempre. Na hora que sai do forno, com uma manteiguinha...hummm. E o que sobrar, tenho certeza que será devorado no café na manhã do dia seguinte.



Ingredientes:

1 lata de leite condensado
1 xícara (chá) de leite
1/2 xícara (chá) de óleo
1 colher (chá) de sal
2 colheres (chá) de semente de erva doce
2 xícaras (chá) de fubá
1 xícara e 1/2 (chá) de polvilho doce
2 ovos
1 colher (sopa) de fermento em pó

Misture bem o leite condensado, o leite, o óleo, o sal e a erva doce e leve ao fogo. Quando iniciar fervura, junte de uma vez só o fubá e o polvilho peneirados e mexa rapidamente para não formar grumos. Continue mexendo até começar a soltar da panela, deixando no fundo uma crosta. Passe para uma tigela grande e junte os ovos, um a um, mexendo bem após cada adição. Quando a massa já estiver fria, coloque o fermento e misture bem.

Hora de fazer as broinhas. Bem, na receita original, eles pedem para untar uma xícara de chá com manteiga e polvilhar fubá. Depois, colocar porções da massa na xícara e fazer movimentos circulares para formar as bolinhas e colocar na assadeira. Vou te dizer que...não dá certo. A primeira vai, depois começa a grudar tudo e vira um carnaval. Esquece! Vamos ao meu método. Unte uma assadeira, ou melhor, duas, com manteiga e polvilhe fubá. Depois vá colocando colheradas da massa direto na forma para formar as broinhas. Como a massa é mole, ela dá uma espalhada depois, e também tem o fermento, então não coloque muito próxima uma da outra. Deixe uns dois dedinhos entre cada uma. 

Meu forno é bem quente, e assei as broinhas em temperatura de 180º C, por cerca de 12 minutos. O melhor é observar, pode ser que seu forno leve mais tempo ou precise subir a temperatura para uns 200º C. Até coloquei uma broinha virada na foto para vocês verem como ela ficou bem moreninha embaixo. Outra coisa que eu gosto de fazer é antes de colocar no forno, polvilhar um pouquinho de fubá por cima das broinhas, mas é opcional. E também não gosto de colocar mais de uma fornada por vez no forno. O meu é fogão de quatro bocas, forno pequeno, se colocar uma forma embaixo e outra em cima, uma queima e a outra não assa. E como ela assa rapidinho, aconselho a colocar uma forma por vez, a não ser que você já conheça o seu forno e saiba que não terá problemas com ele.

Agora chega de conversa e bora pra cozinha!

Comentários

Postagens mais visitadas